Tulio Malaspina

Tulio Kengi Malaspina é formado em Comunicação Social com especialização em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM-SP), têm diversos cursos voltados à redes digitais e sustentabilidade em instituições como ESPM, JumpEducation, São Paulo Digital School, Comunique-se, Escola de Ativismo e UMAPAZ. Já ministrou diversas palestras sobre comunicação e sustentabilidade em universidades como Unesp, Mackenzie, Ufscar e Unimep.

Trabalha como consultor de inteligência em engajamento e redes digitais, desenvolvendo e compartilhando modelos, técnicas e processos visando o aumento da efetividade de campanhas e projetos sociais voltados para a sustentabilidade. Seu trabalho é gerar insights a partir da coleta de dados e informações, buscando compreender as mecânicas entre o relacionamento das pessoas e o tema, facilitando assim a criação de estratégias que potencializem as interações e os resultados.

É fundador do laboratório de inteligência em engajamento e redes digitais SustentaLab, sócio no Coletivo Verde, editor no Atitude Eco, colaborador na Escola de Ativismo e sócio fundador da Associação Brasileira dos Profissionais de Sustentabilidade (Abraps).

Contatos pessoais: Twitter | Linkedin | Facebook | SlideShare | Email: tuliomalaspina@gmail.com

Atitude Eco: Twitter | Facebook | Youtube
SustentaLab: Twitter | Facebook | Linkedin
Coletivo Verde: Twitter | Facebook
Abraps: Twitter | Facebook | Linkedin
Posts tagged "transparência pública"

www.politicos.org.br

O QUE É O RANKING DOS POLÍTICOS?

Somos um site particular criado por dois administradores de empresa. Não somos filiados a nenhum partido político ou grupo de interesse. Nosso objetivo é oferecer informação para ajudar de forma objetiva as pessoas a votarem melhor.

O Brasil tem 3 problemas principais:

1) Governo grande demais; se metendo em atividades demais
2) Governo ineficiente demais; fazendo mal feito mesmo as atividades essenciais
3) Governo corrupto demais; rouba-se muito, pune-se pouco

Consertar esses problemas deve ser feito pela via política, ou seja votando e implantando leis boas.

Como os políticos são os maiores beneficiários da situação atual, não é fácil fazê-los votar leis que prejudiquem eles mesmos. A boa notícia é que mesmo os políticos mais corruptos também dependem de votos, portanto se a população votar melhor, consequentemente teremos políticos melhores e, aos poucos, pode-se aumentar a qualidade dos nossos representantes públicos. Como votar bem, se a quantidade de informação disponível é gigantesca e o tempo que as pessoas dispõem para escolher é pequeno?

Para ajudar nisso, montamos um RANKING DOS POLITICOS. Esse ranking usa dados do Instituto Transparência Brasil, de sites governamentais, de entidades parceiras e depoimentos de voluntários para dar ou tirar pontos dos políticos. O critério é transparente e aberto ao debate. Ao clicar no político, aparecem todos os pontos ganhos e perdidos.

Nosso objetivo com esse site é valorizar a divulgar o trabalho dos melhores políticos do Brasil. Portanto, só mostramos a pontuação daqueles que estiverem positivos no ranking. Os políticos com pontuação negativa aparecem zerados nesse site.

Esperamos com esse ranking ajudar na escolha dos melhores políticos para nos representar e, consequentemente, melhorar o Brasil.

A concepção que sustenta esse documento é a da possibilidade de os órgãos municipais participarem ativamente na construção e sustentação de iniciativas que contribuam para fomentar a comunicação como ferramenta de democratização da gestão pública.

Via Intervozes