Tulio Malaspina

Tulio Kengi Malaspina é formado em Comunicação Social com especialização em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM-SP), têm diversos cursos voltados à redes digitais e sustentabilidade em instituições como ESPM, JumpEducation, São Paulo Digital School, Comunique-se, Escola de Ativismo e UMAPAZ. Já ministrou diversas palestras sobre comunicação e sustentabilidade em universidades como Unesp, Mackenzie, Ufscar e Unimep.

Trabalha como consultor de inteligência em engajamento e redes digitais, desenvolvendo e compartilhando modelos, técnicas e processos visando o aumento da efetividade de campanhas e projetos sociais voltados para a sustentabilidade. Seu trabalho é gerar insights a partir da coleta de dados e informações, buscando compreender as mecânicas entre o relacionamento das pessoas e o tema, facilitando assim a criação de estratégias que potencializem as interações e os resultados.

É fundador do laboratório de inteligência em engajamento e redes digitais SustentaLab, sócio no Coletivo Verde, editor no Atitude Eco, colaborador na Escola de Ativismo e sócio fundador da Associação Brasileira dos Profissionais de Sustentabilidade (Abraps).

Contatos pessoais: Twitter | Linkedin | Facebook | SlideShare | Email: tuliomalaspina@gmail.com

Atitude Eco: Twitter | Facebook | Youtube
SustentaLab: Twitter | Facebook | Linkedin
Coletivo Verde: Twitter | Facebook
Abraps: Twitter | Facebook | Linkedin
Posts tagged "mundo"

globalconsciousevolution:

Global Revolution 2012
Egypt, Syria, Spain, Italy, England, Germany, Turkey, United States, Russia, Canada, Mexico, Israel, Palestine, China, Norway, & Greece:

“The largest public protests, rallies and demonstrations that the world has ever seen are happening right now - with almost no media coverage. 

Not only is there a blackout on these events in the media, but youtube is frequently removing footage of these mass rallies and events when requested to do so by governments: 

‘Google, the owner of You Tube, has complied with the majority of requests from governments, particularly in the United States and the UK, not only to remove You Tube videos, but also specific web search terms and thousands of “data requests,” meaning demands for information that would reveal the true identity of a You Tube user.’ 

These events are truly inspiring and should be front page news! Yet mainstream media is working with governments to keep people uninformed and disempowered.”

http://worldtruth.tv/government-orders-youtube-to-censor-protest-videos/

(via amodernmanifesto)