Tulio Malaspina

Tulio Kengi Malaspina é formado em Comunicação Social com especialização em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM-SP), têm diversos cursos voltados à redes digitais e sustentabilidade em instituições como ESPM, JumpEducation, São Paulo Digital School, Comunique-se, Escola de Ativismo e UMAPAZ. Já ministrou diversas palestras sobre comunicação e sustentabilidade em universidades como Unesp, Mackenzie, Ufscar e Unimep.

Trabalha como consultor de inteligência em engajamento e redes digitais, desenvolvendo e compartilhando modelos, técnicas e processos visando o aumento da efetividade de campanhas e projetos sociais voltados para a sustentabilidade. Seu trabalho é gerar insights a partir da coleta de dados e informações, buscando compreender as mecânicas entre o relacionamento das pessoas e o tema, facilitando assim a criação de estratégias que potencializem as interações e os resultados.

É fundador do laboratório de inteligência em engajamento e redes digitais SustentaLab, sócio no Coletivo Verde, editor no Atitude Eco, colaborador na Escola de Ativismo e sócio fundador da Associação Brasileira dos Profissionais de Sustentabilidade (Abraps).

Contatos pessoais: Twitter | Linkedin | Facebook | SlideShare | Email: tuliomalaspina@gmail.com

Atitude Eco: Twitter | Facebook | Youtube
SustentaLab: Twitter | Facebook | Linkedin
Coletivo Verde: Twitter | Facebook
Abraps: Twitter | Facebook | Linkedin
Posts tagged "dilma"

Os especialistas José Arbex, Rinaldo Arruda e Antônio Carlos Mazzeo comentam os vetos realizados pela Presidente Dilma Rousseff no Novo Código Florestal Brasileiro.

Durante a Cúpula dos Povos Marina Silva manda mensagem à Presidenta Dilma

Nesta segunda, 9, organizações ambientalistas e de apoio aos movimentos sociais e indígenas brasileiros farão uma grande manifestação contra as políticas sociais e ambientais do governo brasileiro em Washington, onde a presidente Dilma Roussef se reúne com o mandatario americano Barack Obama.

Com o slogan “Reforma agrária já! Nenhum mega-barragens na Amazônia!  Veto ao Código Florestal! Parem de matar ativistas!”, os manifestantes se encontrarão na American University as 8h30h e no  Sheridan Circle as 9h, de onde marcharão para a Embaixada Brasileira. Na embaixada, ocorrerá um ato em memória dos mártires da Amazônia – Irmã Dorothy Stang, Chico Mendes, os 19 militantes do MST assassinados em Eldorado dos Carajás, e os lideres extrativistas do Pará, José  Claudio Ribeiro da Silva e Maria do Espirito Santo.

revistaentremundos:

Nunca diga dessa privatização não beberei